22 de out de 2018

Site permite denúncia por crimes de violência motivados por intolerância.


No último dia 19, a Defensoria Pública de São Paulo inaugurou uma central virtual que recebe denúncias de violências motivadas por intolerância e preconceito. Através do site "www.defensoria.sp.def.br", o Observatório da Violência por Intolerância disponibilizará  um formulário que a vítima poderá preencher as informações sobre a violência sofrida, seja ela física ou digital. Além disso, a pessoa poderá indicar o tipo de violência (física, ameaça, verbal ou dano patrimonial) e também qual a razão e contexto (se a violência foi por homofobia, discriminação racial, xenofobia, de gênero, intolerância política ou religiosa).

As vítimas poderão indicar os agressores e fornecer provas do ocorrido. Entretanto, apenas casos ocorridos no estado de São Paulo poderão ser registrados no Observatório de Violência por Intolerância.

Em entrevista, Juliana Belloque, 1ª Subdefensora Pública-Geral, diz que a plataforma foi uma maneira de conseguirem mapear  a violência derivada dos tipos de intolerância e comenta que o papel da Defensoria é contribuir para uma ação em conjunto e articulada com os órgãos públicos sobre o tema.

O sistema não fará apenas o mapeamento da violência, mas também fornecerá todo suporte às vítimas das agressões orientando-as juridicamente e acompanhando casos graves, além de consolidar dados e casos que possam subsidiar políticas públicas para prevenção e também o combate a esses tipos de violência.

*todas as denúncias podem ser feitas em anonimato.

Texto: Rodrigo Honorato
Imagem: Internet (Divulgação)