Anitta se envolve em polêmica após afirmar que não irá se posicionar politicamente



No decorrer desta semana, a hashtag #EleNão, direcionada ao candidato Jair Bolsonaro, do PSL, tomou força nas redes sociais e, com isso, várias celebridades como: Pitty, Deborah Secco, Bruna Marquezine e até mesmo Rachel Sheherazade aderiram a campanha. 

No entanto, a cantora Anitta optou pelo silêncio em relação a sua posição política e, com isso, não demorou muito para que os seus fãs a cobrassem por um posicionamento. Anitta então, utilizou o twitter nesta quarta-feira (19), para se esclarecer, dizendo que “é um direito meu não querer opinar sobre política e eu só estou exercendo esse direito”. 

Os fãs se mostraram intensamente decepcionados com a atitude da cantora, porém, o ápice de toda essa discussão se deve ao fato de que Anitta havia seguido uma conta em seu instagram, declarada abertamente a favor ao candidato Jair Bolsonaro.

O seu público, composto majoritariamente pela comunidade LGBTQ+, resolveu se manifestar negativamente em relação a atitude da cantora, visto que Bolsonaro é declaradamente contra a comunidade e está constantemente envolvido em polêmicas no que diz respeito a esta.

Em seguida, a cantora declarou: “Eu não segui um perfil em apoio à nenhum candidato. Segui um perfil de uma amiga de 8 anos que finalmente consegui reencontrar e se ela escolheu expor seu voto é um problema dela”.

Mais tarde, Anitta ainda afirmou fazer parte da comunidade LGBTQ+, ao publicar: “é totalmente incoerente dizer que eu apoio a morte à comunidade LGBTQ+ quando eu faço parte dela. Estaria apoiando minha própria morte”. 

Até o momento, os fãs da cantora encontram-se divididos em relação as suas recém atitudes.


Texto por Bruna Moraes
Foto por Reprodução/Instagram

Compartilhe

 
Copyright © Coletivo Caneca. OddThemes